Pergunte à Riot

Faça uma pergunta sobre o League ou a Riot e tentaremos respondê-la. As respostas vão ao ar a cada duas semanas, nas terças-feiras às 17:30 (horário de Brasília)

O que você quer saber?

Algo deu errado. Opa, tente perguntar de novo.

Obrigado por fazer uma pergunta!

Próximo artigo

O Sion fede?

E outras perguntas sobre a história de Runeterra: Como seria um Poro careca? O Darius pelo menos gosta do Draven? O que é o Pix?

Boas vindas ao Pergunte à Riot! Tem alguma pergunta?

Boas Festas, galera! Estamos começando o ano novo com uma edição do Pergunte à Riot um pouquinho diferente. Hoje responderemos apenas perguntas sobre a história.

Também estaremos dando uma pausa no Pergunte à Riot por duas semanas porque temos alguns outros projetos planejados. Nos vemos em fevereiro!

P

O Sion fede? Tipo, ele tem um cheiro de morte e podridão? E o Yorick ou a Kalista?

R

Ótima pergunta! E você escolheu a pessoa narrativa certa para perguntar… eu não lembro se passei desodorante hoje.

Enfim, embora seja fácil supor que Sion tem cheiro de carne podre, o fato é que ele morreu faz muito tempo. Quando um rato morreu correndo nas paredes da minha casa quando eu era criança, eu não podia entrar na sala sem vomitar por uma semana…, mas então o cheiro começou a desaparecer. Algo que está morto há décadas está além da podridão, além da putrefação. Se tornou algo eterno, como a guerra. É mais provável que Sion tenha o cheiro de ferro frio e chamas, indistinguíveis da batalha em torno dele.

Em relação a Yorick, ele não está morto de verdade, graças ao frasco de Águas da Vida pendurado em seu pescoço. Mas eu acho que ele não deve tomar banho.

E a Kalista, você não pode sentir o cheiro dela porque ela não está ali de fato. Talvez você simplesmente sentisse o toque fantasmagórico de sua presença no mundo, como um leve cheiro de ozônio.

Então, é isso que você pode esperar se encontrar algum desses Campeões pessoalmente na rua ou na padaria. Sorria, seja educado e lembre-se: Com o passar das eras, até o cheiro pode morrer…

Escritor de Narrativa
P

O mundo se chama Runeterra por causa de todas as runas que costumavam existir? (Valeu, Ryze!) Nossas runas atuais estão ligadas às runas encontradas em Runeterra de alguma forma?

R

Costumava ser essa a razão…?

O mundo é de fato chamado Runeterra (literalmente, “mundo-runa”) por causa das Runas Globais, esses artefatos imensamente poderosos são as verdadeiras ferramentas da criação que seres celestiais desconhecidos estavam usando para criar um novo plano de existência. Por alguma razão, esse acontecimento foi interrompido e ficou incompleto, e as runas foram deixadas espalhadas e escondidas dentro do mundo que estavam criando.

As Runas no MOBA League of Legends não são as Runas Globais, mas sim uma expressão de magia rúnica. Eles são uma maneira característica de personalizar seu estilo de jogo, além de também deixarem muito espaço para outras possíveis Runas serem introduzidas no futuro.

Editor-chefe de Narrativa
P

De onde o Pix veio?

R

Bandópolis é apenas um dos muitos lugares no reino espiritual, que brilha em cores invisíveis para aqueles que não passam pelas barreiras que o separam do reino mortal. Lulu já perguntou ao seu companheiro, Pix, muitas vezes sobre a origem dele. Em vez de responder, normalmente ele se joga de cabeça no lírio mais próximo para se esconder. Lulu pressupõe que ele nasceu como uma semente e mais tarde brotou no espírito feérico que é agora.

Escritor Associado, Criação de Universo
P

Existem casamentos em Runeterra? Quais são as características das várias facções? Alguma tradição interessante?

R

Assim como no mundo real, os muitos povos de Runeterra se casam (ou não) por uma variedade de razões, e nem sempre por amor!

Os Freljord são uma sociedade fortemente matriarcal. Líderes tribais, como Ashe ou Sejuani, são conhecidas como mães de guerra, e muitas vezes procuram reforçar seu poder político através do casamento com aliados ou rivais de outras tribos. Isso pode ser complicado por si só, já que favorecer um é visto como desprezar o outro, e por isso não é incomum para uma mãe de guerra levar vários parceiros “Jurados de Sangue” para sua casa. Ela contará com eles entre seus mais ferozes protetores e confidentes mais próximos.

Em muitas das províncias de Ionia, é aceitável que os parceiros possam viver juntos e criar filhos sem nunca considerarem um casamento formal. No entanto, quando tais rituais são seguidos, eles são carregados de profundo significado simbólico, invocando a bênção de muitos espíritos e antepassados de ambas as famílias. É dessa maneira que o equilíbrio é mantido, com cada parceiro sendo igual à visão de sua comunidade, agora e para todo o sempre.

Antes que Swain assumisse o controle de Noxus, as antigas casas nobres deram muito mais ênfase à manutenção de sua linhagem do que na organização de casamentos extravagantes. Esperava-se que os herdeiros homenageassem seus pais e provassem a força de sua linhagem, e uniões arranjadas entre as casas podiam resolver disputas que chegavam a durar gerações. Agora, com o poder dos nobres muito reduzido pelo Trifarix, essas tradições começaram a mudar.

Existem inúmeros exemplos de todo o mundo, mas eu sou uma criatura fria e amarga que normalmente não gosta de discutir coisas como casamentos por muito tempo. Talvez, se um dia eu encontrar a abominação do Vazio certa, ela possa derreter meu coração gelado…

Editor-chefe de Narrativa
P

O Darius pelo menos gosta do seu irmão Draven? Ou acha que ele é um idiota?

R

Darius está cuidando de Draven desde que eles eram crianças, e embora ele ame seu irmão mais novo, ele está bem ciente de suas falhas. Antes Darius poderia até tentar dar um jeito no “Carrasco de Noxus” e tentar maneirar suas… qualidades Dravenescas excessivas, mas agora ele manipula situações ao ponto em que essas habilidades e qualidades únicas se tornam vantagens, ao invés de desvantagens.

Senior Writer
P

No Pergunte à Riot de agosto, vocês mencionaram que os povos freljordanos adoram fazer rebanhos de poros. Pastá-los sugeriria que eles têm um uso econômico. Que uso seria esse? Eles tosam eles para usar sua lã? Como seria um poro careca?!

R

Nas duras terras do Freljord, onde as pessoas muitas vezes precisam lutar todos os dias pela sobrevivência, o sonho de ser um pastor de poros é justamente a razão de isso não ter uso econômico! Em vez de lucrar, você teria que viver seus dias de uma forma descontraída, cercado de amor, calor e carinho. E em uma terra de neve e gelo, tribos batalhando, e antigas ameaças aparecendo logo abaixo de qualquer geada, quem não sonharia com isso?

E quanto ao poro careca… Acho melhor não pensarmos nisso por muito tempo… para não termos pesadelos.

Escritor de Narrativa

Obrigado por ler ao Pergunte à Riot dessa semana. Tem alguma pergunta?

Vá até o Pergunte à Riot e acesse sua conta do League. Confira as dicas e envie sua pergunta.

Prometemos ler todas as perguntas, mas não garantimos que todas elas sejam respondidas. Algumas perguntas podem já ter sido respondidas em outro lugar ou não são apropriadas para o Pergunte à Riot. Este não é o lugar ideal para anunciar novos produtos ou recursos, e os assuntos que já foram discutidos a fundo em outros espaços provavelmente serão ignorados (mas podemos esclarecer pontos individuais).

Mesmo assim, estamos sempre ouvindo, então continuem perguntando. Vamos garantir que suas perguntas sejam vistas por Rioters que estejam trabalhando nas coisas sobre as quais vocês têm curiosidade.

Próximo artigo

Honra e listas de desejos